No papel

TCU recebe documentos sobre investigação de acordo de leniência da J&F

7 de fevereiro de 2024, 21h59

Na terça-feira (6/2), o ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli encaminhou ao Tribunal de Contas da União cópia de processo (Pet 12.061/DF) que investiga a suposta apropriação indevida de recursos públicos, no montante de R$ 2,3 bilhões, oriundos do acordo de leniência firmado entre o Ministério Público Federal e a J&F, por parte da Transparência Internacional (TI) — que se apresenta como ONG, com sede em Berlim.

TCU investiga acordo de leniência assinado entre MPF e J&F

Na sessão plenária da corte de contas desta quarta-feira (7/2), o vice-presidente do TCU, ministro Vital do Rêgo, no exercício da presidência, informou que os documentos serão juntados para apurações cabíveis ao processo TC 007.087/2022-5.

O processo, sob a relatoria do ministro Aroldo Cedraz, já analisa, no âmbito do TCU, os fatos e as condutas apontados. As últimas respostas às diligências chegaram ao tribunal em dezembro do ano passado. Com informações da assessoria de imprensa do TCU.

Clique aqui para ler a comunicação da presidência do TCU

Encontrou um erro? Avise nossa equipe!