Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sem carência

Justiça manda Unimed autorizar cirurgia para paciente

Uma paciente conseguiu autorização judicial para realizar cirurgia negada por falta de prazo de carência do plano de saúde. O juiz Yale Sabo Mendes, de Cuiabá, determinou que a Unimed autorize o procedimento, além dos exames necessários, sob pena de multa diária de R$ 500, mais sanções cíveis e criminais. Cabe recurso.

Na defesa, a Unimed alegou que o contrato não previa cobertura para as chamadas doenças preexistentes. E que o contrato foi celebrado há pouco mais de 8 meses.

O juiz aplicou as normas do Código de Defesa do Consumidor para o caso. Segundo ele, nos contratos de adesão, cujas cláusulas são estabelecidas pelo fornecedor, sem que o consumidor tenha a oportunidade de discutir o conteúdo, deve haver um destaque para as cláusulas chamadas "limitativas ao direito".

Para o juiz, é controversa a cláusula do contrato que exige o mínimo de 50 usuários para não se cobrar a carência de 24 meses. Porém, o juiz entende que o prazo máximo de carência não pode ultrapassar 24 horas, em casos de urgência e emergência.

"O referido contrato nos mostra que a cirurgia de urgência é um procedimento previsto expressamente para os planos da modalidade hospitalar, pois tal dispositivo faz uma referência genérica e abrangente ao mencionar a forma autônoma da palavra 'urgência'. Logo, não se pode ignorar que a situação em tela era de risco, enquadrando-se, pois, como caso de urgência/emergência", entendeu o juiz.

Processo 939/06

Confira as técnicas de gerenciamento e marketing usadas pelos escritórios que se destacam no mercado e pelos departamentos jurídicos de sucesso no seminário Gerenciamento e Marketing: Escritórios de Advocacia e Departamentos Jurídicos, promovido pela ConJur.

Revista Consultor Jurídico, 24 de abril de 2007, 16h04

Comentários de leitores

1 comentário

Sim! Mas qual cirurgia afinal?

Band (Médico)

Sim! Mas qual cirurgia afinal?

Comentários encerrados em 02/05/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.