Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Casa dos Artistas

TJ-SP mantém 'Casa dos Artistas' na programação do SBT

A 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve a liminar que permite a exibição do programa "Casa dos Artistas" pelo SBT. O pedido para a suspensão do programa foi feito pela Rede Globo e negado pelo TJ-SP.

Por dois votos a um, o programa foi mantido no ar. O relator do pedido, desembargador Marcus Andrade e o desembargador Rodrigues de Carvalho votaram pela permanência do programa do SBT. O desembargador Boris Kauffmann votou pela retirada do programa do ar, mas foi voto vencido.

A Globo acusa o SBT de plagiar o programa "Big Brother", do qual tem os direitos. Afirma que a produção está prevista para 2002.

No programa do SBT, 12 artistas foram escolhidos para ficar em uma casa em São Paulo sem televisão, telefone e Internet. Os artistas são filmados a todo instante por câmaras espalhadas por toda a casa. A produção custou R$ 5 milhões ao SBT.

Entre os concorrentes estão o cantor Supla, a atriz Bárbara Paz e o ator Alexandre Frota. O prêmio para o vencedor é de R$ 300 mil. Uma das concorrentes já foi eliminada no último domingo.

Polêmicas

O programa 'Casa dos Artistas' é um dos mais comentados da televisão brasileira. Tudo começou com a nota divulgada pela Globo sobre a falta de ética do SBT que exibiria um programa 'plagiado'. Em resposta, a emissora publicou uma nota irônica sobre as sucessivas derrotas da Globo no Ibope aos domingos. Veja as notas divulgadas

No último domingo, a modelo Alessandra Iscattena foi eliminada em um clima de 'complô' que teria sido armado pelo ator Alexandre Frota. No dia seguinte, o ator resolveu deixar a casa. Mas voltou na mesma semana. Segundo notícia divulgada no jornal Agora São Paulo, o apresentador Silvio Santos teria oferecido R$ 100 mil para o ator voltar para a 'Casa dos Artistas'.

Revista Consultor Jurídico, 8 de novembro de 2001, 19h45

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/11/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.