Consultor Jurídico

Em Paranatinga (MT)

PF cumpre mandados em investigação sobre ameaças a Alexandre de Moraes

A Polícia Federal deflagrou, nesta terça-feira (22/12), um operação com o objetivo de investigar e prevenir a concretização de ameaças à vida do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, e de seus familiares.

Em mensagem publicada no Twitter, um homem escreveu: "Você Alexandre de Moraes e a sua família vai ser executada, e não tem mais volta, você pediu isso então toma tiro (sic)".

Investigado pela Polícia Federal ameaçou ministro do STF e seus familiares

O homem mora na cidade de Paranatinga (MT). Foram cumpridos dois mandados judiciais, sendo um de busca e apreensão, e outro sobre proibição de o indivíduo se aproximar do ministro e de seus familiares.

A cautelar também proíbe que o homem se aproxime dos locais de trabalho e residência do ministro. Além disso, houve bloqueio da rede social por meio da qual foram feitas as ameaças.

Os mandados foram expedidos pela 10ª Vara Federal de Brasília. Com informações da assessoria de imprensa da Polícia Federal.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 22 de dezembro de 2020, 22h17

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/12/2020.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.