Consultor Jurídico

Notícias

Execução antecipada

Após decisão do STF, ex-governador de Minas Eduardo Azeredo é libertado

Por 

Defesa de Eduardo Azeredo entrou com pedido de soltura do ex-governador de MG
Reprodução

Após a mudança de entendimento sobre a execução antecipada da pena pelo Supremo Tribunal Federal, nesta quinta-feira (7/11), a defesa do ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo obteve a soltura dele. 

O ex-tucano foi libertado na tarde desta sexta-feira (8/11). Ele cumpria pena desde maio do ano passado após condenação em segunda instância pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro, durante a gestão (1995-1998) dele à frente do governo de Minas.

O recurso foi apresentado na Vara de Execuções Penais do Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Na decisão, o juiz Marcelo Augusto Lucas Pereira afirmou que o caso do ex-governador se enquadra na mudança de jurisprudência do STF.

Azeredo estava preso na sede do 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros, em Belo Horizonte. Em maio deste ano, a pedido dele, foi desfiliado do PSDB. Ele integrava os quatros do partido por mais de 30 anos.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 8 de novembro de 2019, 18h16

Comentários de leitores

1 comentário

Pt e psdb

Vercingetórix (Advogado Autônomo - Civil)

PT e PSDB juntos até na fuga da justiça retributiva.

Comentários encerrados em 16/11/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.