Consultor Jurídico

Notícias

sessão extraordinária

Órgão Especial do TJ-SP vai analisar contrato com a Microsoft nesta 2ª feira

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo vai analisar nesta segunda-feira (8/4), a partir das 14h, o contrato firmado com a Microsoft. A sessão foi convocada pelo presidente do TJ, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças. Ele afirma que o acordo já foi discutido e agora serão esclarecidas "algumas questões periféricas".

Presidente do TJ-SP convocou sessão extraordinária para falar sobre o contrato com a Microsoft 
Reprodução

A contração da Microsoft para desenvolver uma nova plataforma de processo eletrônico gerou grande polêmica desde que foi anunciada. Em fevereiro, uma liminar do Conselho Nacional de Justiça suspendeu o contrato, sob os argumentos de que a criação de um novo Processo Judicial Eletrônico (PJe) precisaria do aval do conselho. O CNJ também alegou preocupações com a entrega de dados sigilosos de processos a uma companhia estrangeira.

Já em março, o CNJ manteve a suspensão do contrato, apesar de o presidente do órgão, ministro Dias Toffoli, defender a legitimidade da decisão do comando do TJ-SP.

Em entrevista à ConJur, Pereira Calças afirmou que o tribunal paulista produz grande quantidade de dados, por isso decidiu trocar toda a infraestrutura de tecnologia, inclusive os programas do processo eletrônico.

Revista Consultor Jurídico, 7 de abril de 2019, 15h07

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/04/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.