Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Negócio penal

Depois de ajustes, Lewandowski homologa delação de marqueteiro do MDB

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, homologou nesta terça-feira (13/3) a delação do marqueteiro Renato Pereira, que trabalhou para o PMDB nas eleições de 2014. O acordo foi homologado depois ajustes da Procuradoria-Geral da República. 

Depois de ajustes da PGR, Lewandowski homologa acordo de delação premiada de marqueteiro que trabalhou para o MDB.
Nelson Jr./SCO/STF

O processo é sigiloso, e os termos do novo acordo não foram divulgados. Em novembro, Lewandowski havia devolvido o acordo à PGR por ele prever promessas que estavam fora do raio de alcance do Ministério Público Federal, como perdão judicial.

Nos depoimentos, Pereira relatou aos procuradores o cometimento de diversos crimes eleitorais, de corrupção e de lavagem de dinheiro. Entre os acusados, segundo a PGR, está a senadora Marta Suplicy (MDB-SP), que tem prerrogativa de foro por função no Supremo.

Revista Consultor Jurídico, 13 de março de 2018, 17h14

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/03/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.