Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

"Câmbio-Desligo"

Defesa pede que doleiro seja solto para cuidar dos filhos

A defesa de Alexandre de Souza Silva pediu que o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, revogue a prisão preventiva decretada no início deste mês (3/5). Alexandre foi detido na operação “Câmbio-Desligo”, acusado de atuar como doleiro em um esquema de transações financeiras ilegais no Brasil e no exterior.

No pedido, a advogada Virgínia Afonso afirma que as acusações são fundamentadas em “meras especulações” e argumenta que a permanência da prisão “está ensejando enorme transtorno à sua família”, haja vista que ele está desempregado e, antes da prisão, cuidava da filha de 4 anos.

A defesa aponta ainda que Alexandre foi transferido para o presídio de Bangu, localizado no Rio de Janeiro, embora resida em Contagem (MG), o que “resulta em enorme sofrimento à sua família”, que não tem condições financeiras de arcar com as elevadas despesas para locomoção. Por esse motivo, pede para que seja autorizado seu retorno ao presídio mineiro.

Outro advogado, Carlos Alberto Arges, responsável pelo caso de José Carlos Maia Saliba, também acusado de atuar como doleiro, entrou com o pedido de revogação de prisão temporária de seu cliente.

Clique aqui para ler o pedido.

Revista Consultor Jurídico, 14 de maio de 2018, 16h28

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/05/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.