Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Notícias Jurídicas

Notícias da Justiça e do Direito nos jornais deste domingo

De acordo com a Folha de S.Paulo, a empreiteira Andrade Gutierrez criou uma auditoria interna para apurar pagamentos de propina a agentes públicos, além de outras irregularidades envolvendo obras realizadas, para evitar ser pega de surpresa na lava jato.

Cumprimento de pena
O publicitário Ricardo Hoffman, condenado na operação "lava jato" a 12 anos e 10 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, teve o pedido de autorização para fazer exercício físico aos sábados e domingos de manhã e ir a culto religioso no domingo à noite negado pelo juiz federal Sérgio Moro. Hoffman cumpre pena domiciliar. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Esquivando-se
O jornal O Globo diz que o Panamá, um dos principais paraísos fiscais do mundo, não colabora com as investigações da "lava jato", já que os procuradores em Curitiba tentaram nos últimos meses ter acesso à íntegra de uma conta da Odebrecht no país, mas as autoridades panamenhas se recusaram a entregar os dados. Elas consideram  que os números relatariam pagamentos a pessoas politicamente expostas do próprio Panamá, onde a Odebrecht toca diversas obras.

Projeto de lei
Servidores da Receita devem manter greve para pressionar pela aprovaçãoo do aumento de seus salários. Apesar de o governo ter encaminhado o projeto de lei que trata do reajuste e do bônus que receberão os servidores da Receita Federal, a categoria deve seguir em paralisação até a aprovação do texto pelo Congresso. As informações são do jornal DCI.

Procedimento de inspeção
A Procuradoria-Geral da República aprofunda as investigações contra o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Francisco Falcão, na operação "lava jato". Entre os documentos, um relato de uma agente da Polícia Federal sobre a vez em que Falcão foi liberado da revista e de passar pelo detector de metais e pela máquina de raios-X no aeroporto de Brasília. Ele, a mulher e o filho embarcaram para Miami, nos Estados Unidos. As informações são do jornal O Globo.

Entre os documentos analisados pela Procuradoria-Geral da República na etapa da operação "lava jato" que investiga o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Francisco Falcão

Revista Consultor Jurídico, 31 de julho de 2016, 12h46

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/08/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.