Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Plano de ações

CNJ quer desativar unidade de internação de jovens

As juízas auxiliares da Presidência do Conselho Nacional de Justiça Cristiana Cordeiro e Joelci Diniz levam, nesta segunda-feira (17/9), ao governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, um cronograma de ações para acelerar o fechamento da maior unidade de internação de adolescentes, a Unidade de Internação do Plano Piloto (UIPP).

As juízas são coordenadoras do Programa Justiça ao Jovem, que fiscaliza o cumprimento de medidas socioeducativas em todo o país. O objetivo, com esse cronograma, é discutir medidas concretas para desativar a unidade onde foram assassinados três adolescentes no último mês. 

A definição de um plano de ação é consequência do encontro da última quarta-feira (12/9) entre o presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, ministro Ayres Britto, e o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz. Com informações da Assessoria de Imprensa do Conselho Nacional de Justiça.

Revista Consultor Jurídico, 17 de setembro de 2012, 18h27

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/09/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.