Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Combate ao crime

Ações nas fronteiras prenderam 20 mil desde 2011

No período entre junho de 2011 e novembro de 2012, 20.737 pessoas foram presas em flagrante durante operações de combate ao crime nas fronteiras do país. Nesse mesmo tempo, as autoridades policiais apreenderam 81,49 toneladas de drogas e 375 armas de fogo, informou o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. As informações são do site de notícias ExpressoMT.

Os números fazem parte de balanço do Plano Estratégico de Fronteiras, criado para combater crimes transnacionais na divisa com países vizinhos. As estatísticas foram divulgadas durante cerimônia no Palácio do Planalto que contou com a presença do vice-presidente da República, Michel Temer, e do ministro da Defesa, Celso Amorim.

Cardozo revelou medidas que estão sendo tomadas pelo governo federal para reforçar a segurança nas áreas de fronteira. Entre elas, iniciativas para estimular policiais federais e rodoviários a permanecerem nesses locais.

Segundo Cardozo, está em tramitação na Câmara dos Deputados um projeto de lei que prevê o pagamento de gratificações adicionais aos servidores que se dispuserem a morar em localidades de difícil fixação dos efetivos, consideradas estratégicas. Os municípios que possibilitarão os pagamentos extras serão definidos posteriormente pela União.

O pacote de incentivos para a transferência de servidores para as fronteiras, ressaltou o ministro da Justiça, também inclui a construção de 388 residências para policiais federais e rodoviários até 2014. O investimento do governo nessas moradias alcançará R$ 53 milhões, contou.

Revista Consultor Jurídico, 19 de dezembro de 2012, 15h39

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 27/12/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.