Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Monte Carlo

Cachoeira é condenado a 39 anos e é preso novamente

Pouco mais de duas semanas após ser libertado, o empresário Carlinhos Cachoeira voltou a ser preso na tarde desta sexta-feira (7/12). A prisão é consequência do processo criado após as investigações da Operação Monte Carlo, executada em fevereiro pela Polícia Federal, conforme noticiou a Folha de S.Paulo.

O empresário foi condenado a 39 anos e oito meses de prisão por diversos crimes. Entre eles, corrupção ativa, formação de quadrilha e peculato. Segundo a acusação, ele controlava um esquema centrado em jogo ilegal, mas que se expandiu para desvio de recursos públicos por meio de corrupção de agentes estatais. A decisão do juiz da 11ª Vara da Justiça Federal de Goiânia, que o absolve de outras imputações, ainda pode ser contestada em recursos. 

Com Cachoeira como pivô, as apurações da Polícia Federal levaram a uma crise política, com a criação de uma CPI e a cassação do mandato do ex-senador Demóstenes Torres.

Antes dessa nova prisão, Cachoeira esteve preso 266 dias. No mês passado, havia conseguido um Habeas Corpus e deixou a prisão no dia 21 de novembro. Ele foi preso preventivamente no dia 29 de fevereiro com base nas investigações da Operação Monte Carlo, que apurou esquema de corrupção e exploração ilegal de jogos na região Centro-Oeste. Enquanto o processo corria na Justiça Federal, a defesa do empresário apresentou vários recursos na Justiça, em Brasília, a maioria para libertá-lo.

Revista Consultor Jurídico, 7 de dezembro de 2012, 17h55

Comentários de leitores

1 comentário

melhor instalar uma porta giratoria de banco na PF....

hammer eduardo (Consultor)

Carlinhos Cachoeira é apenas mais uma peça da grande engrenagem da bandalheira que rola solta no Pais , como diz o apedeuta FDP " nunca dantes na izzztoria deste paizz.....".
Esta "nova" prisão dele faz parte do enredo patetico desta grande opera bufa chamada de "justiça"???brasileira. Certamente vai render material nos Jornais da noite , algumas notas nas revistas semanais e como sempre , depois que estiver parado no acostamento , vai aparecer MAIS UM habeas corpus de algum tourinho da vida liberando o elemento em questão.
Na realidade não existe REAL interesse em trancafiar o Cara de forma seria pois ate as pedras da rua sabem do perigosissimo nivel de conhecimento dele em cima da RATADA que manda no Pais atualmente. Hoje temos a quadrilha aliada , digo , "base aliada" dos bandidocratas de Brasilia que barra em nome de seus umbigos sempre imundos ,a "convocação" de Pessoas que possam comprometer seus negocios escusos , that simple ! Quanto ao Dr.Cachoeira , Ele carrega no seu banco de dados certamente material altamente explosivo que detonaria sem maiores dificuldades politicos-capachos de Dilmão como o des-governador serginho-Paris-Cabral o eterno amigo do peito do Cavendish que vem a ser comparsa do cachoeira e por ai vai, se puxarem um , vem todos igualzinho aos caranguejos que se compram em beira de estrada. Dilmão faz um "esforço" sobre humano para "tentar" se desvincular desta imundicie sem controle mas falha grotescamente pois foi gerada justamente por esta maquina podre que ai esta , não tem outra versão palatavel. O que se poderia sugerir a nossa Gestapo Tupiniquim seria a instalação de uma porta giratoria de banco para facilitar o ato de entrar e sair do Dr.Cachoeira em suas sedes regionais.....

Comentários encerrados em 15/12/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.