Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Morte no trânsito

Promotor denuncia acusado de matar jovem no trânsito

O promotor de Justiça Raul de Godoy Filho, do 1º Tribunal do Júri de São Paulo, ofereceu nesta terça-feira (10/6) denúncia contra o comerciante Ismael Vieira da Silva, acusado de matar com um tiro de pistola o estudante Alexandre Andrade Reyes, após uma discussão no trânsito.

“Consta que o crime foi praticado por motivo fútil, agindo o denunciado em total desproporção entre o móvel e a conduta, pois pelo simples fato de uma briga de trânsito, veio efetuar um disparo fatal contra a vítima”, destacou o promotor na denúncia.

Silva foi denunciado por homicídio doloso (com intenção de matar) qualificado por motivo fútil, e também por porte ilegal de arma. O promotor também pediu a prisão preventiva do comerciante.

O crime aconteceu na noite de 23 de maio, na Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, no bairro Jabaquara, em São Paulo.

Alexandre Andrade Reyes, teve sua prisão temporária decretada no último dia 29 pela juíza Juliana Guelfi, do 1º Tribunal do Júri da Capital. A partir de agora, a juíza vai decidir se acolhe ou não a denúncia do MP e decreta a sua prisão preventiva. Ismael Vieira da Silva se entregou à polícia no dia 30 de maio.

Clique aqui para ler a denúncia do Ministério Público paulista.

Revista Consultor Jurídico, 10 de junho de 2008, 20h40

Comentários de leitores

1 comentário

E o promotor que matou no trânsito, que fim lev...

Armando do Prado (Professor)

E o promotor que matou no trânsito, que fim levou mesmo?

Comentários encerrados em 18/06/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.