Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Caso Richtofen

Celso de Mello decide até quarta se dá liberdade a Suzane

O ministro Celso de Mello deve analisar, até quarta-feira (14/11), se Suzane von Richthofen pode aguardar em liberdade o julgamento do recurso apresentado à 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo. Nos autos encaminhados ao Supremo Tribunal Federal, há a informação de que o julgamento do recurso deve acontecer no dia 22 de novembro (quinta-feira).

Em julho de 2006, Suzane foi condenada pelo 1º Tribunal do Júri de São Paulo a 39 anos de reclusão e seis meses de detenção pelo homicídio dos pais Manfred e Marísia von Richtofen, crime ocorrido em 2001 e que teve grande repercussão nacional.

O pedido de Habeas Corpus distribuído à relatoria do ministro Celso de Mello foi apresentado contra a decisão da 1ª Turma do STF. No dia 11 de setembro, os ministros da Turma negaram o pedido de relaxamento da prisão preventiva de Suzane, por 3 votos a 1.

HC 92.996

Revista Consultor Jurídico, 13 de novembro de 2007, 0h01

Comentários de leitores

6 comentários

Já avisei se derem liberdade para essa mulher, ...

Murassawa (Advogado Autônomo)

Já avisei se derem liberdade para essa mulher, deixo de ser brasileiro e peço a nacionalidade de meus Pais e Avós.

E ainda têm dúvidas quanto a "Santinha" ai sair...

Helena Fausta (Bacharel - Civil)

E ainda têm dúvidas quanto a "Santinha" ai sair da cadeia? Cadeia foi feita para se jogar os 3 Ps de que meu professor tanto falava...

Já não basta o tal do "ex-dimenor" homicida "ch...

futuka (Consultor)

Já não basta o tal do "ex-dimenor" homicida "champinha", ai, ai ..onde vamos parar. Mas tá tudo bem, um feliz natal a todos e até o ano que vem.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 21/11/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.