Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Trabalho ilegal

Texas julga acusados de usar documentos falsos para trabalhar

Por 

O estado do Texas encerrou, nesta sexta-feira (15/6), a primeira série de julgamentos da maior investigação já feita nos EUA sobre uso de documentos falsos para que imigrantes obtivessem vistos de trabalho. As informações são do site Findlaw.

Na sexta, 13 ex-empregados da empresa Swift & Co, na cidade de Cactus, foram condenados a 1 ano de prisão sob acusação de terem usado documentos falsos, da previdência dos EUA, atestando que eram cidadãos norte-americanos — para poder trabalhar. Ao todo, desde que as investigações foram iniciadas, ano passado, apenas 4 pessoas, de um grupo de 53 acusadas, não receberam condenação.

Desde dezembro passado, batidas nas fábricas da Swift revelaram um grupo de 1,2 imigrantes ilegais (a maioria mexicanos) trabalhando nos sistemas de laticínio, em seis estados diferentes dos EUA. Todos foram presos, mas não ainda acusação formal contra a Swift.


 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 16 de junho de 2007, 15h56

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/06/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.