Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Zona de protesto

Manifestantes contra reunião da OMC processam cidade nos EUA

Por 

Manifestantes que foram presos por protestar numa região proibida pela prefeitura de Seattle, estado de Washington, resolveram processar a cidade. Alegam que seus direitos constitucionais foram feridos. A informação é do site Findlaw.

A manifestação ocorreu, em 1999, contra o encontro Organização Mundial do Comércio, a World Trade Organization. Na ocasião, cerca de 50 mil manifestantes tomaram as ruas de Seattle. Ficou estabelecida uma “zona de não protesto”, onde o grupo foi preso sob acusação de tê-la invadido.

Agora, um único advogado nos Estados Unidos representa 200 clientes na mesma ação. Os manifestantes tentam provar que foram presos simplesmente por terem opiniões diversas às da OMC. A ação pode chegar a milhões de dólares. A juíza Marsha Pechman já entendeu que a Polícia fez as prisões “sem motivo”.

O advogado dos 200 clientes, Mike Withey, sustenta que eles “não estavam atirando tijolos ou interferindo com a Polícia”. O advogado da cidade de Seattle, Ted Buck, diz que a Polícia apenas quis “deixar a cidade limpa e trafegável”.

 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 11 de janeiro de 2007, 10h21

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.