Consultor Jurídico

Mesada sob investigação

Bastos pede inquérito para apurar irregularidades no IRB

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, disse neste domingo (22/5) que determinou ao diretor da Polícia Federal, Paulo Lacerda, a abertura de inquérito policial para investigar possíveis irregularidades no IRB -- Instituto de Resseguros do Brasil. As informações são da Agência Brasil.

Criado em 1939, o IRB, estatal de resseguros, movimenta R$ 900 milhões por ano. De acordo com a revista Veja que chegou às bancas neste fim de semana, a autarquia seria obrigada a pagar mesada ao PTB -- Partido Trabalhista Brasileiro. A determinação teria vindo do presidente do partido, deputado Roberto Jefferson, que, em troca da indicação para a presidência do Instituto, teria de receber R$ 400 mil por mês.

A reportagem mostra que, em conversa com o ex-presidente do IRB, Lídio Duarte, o deputado Roberto Jefferson teria dito que as despesas do partido eram altas e que precisava da colaboração financeira dos dirigentes de estatais indicados, pelo partido, para seus cargos.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 22 de maio de 2005, 14h46

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/05/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.