Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Coleção de acusações

Juíza criminal analisa denúncia de MP contra Maluf

O Ministério Público Federal ofereceu novas denúncias contra o ex-prefeito Paulo Maluf por sonegação fiscal, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. A denúncia do MP está sendo analisada pela juíza da 2ª Vara Criminal Federal de São Paulo, Silvia Rocha.

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, o procurador responsável pela denúncia, Pedro Barbosa, também pediu a prisão preventiva de Maluf. A assessoria de imprensa do Ministério Público Federal e do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, no entanto, não confirmam a informação.

Segundo a Folha, os crimes denunciados pelo MP estão relacionados à investigação sobre o envio não declarado de milhões de dólares para contas bancárias em paraísos fiscais, como Suíça, Luxemburgo, França e Jersey -- no canal da Mancha.

Nesta quinta-feira (25/11), Maluf sofreu duas derrotas na Justiça. O Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu manter o bloqueio dos seus bens decretado no início da semana pela 4ª Vara da Fazenda Pública. Na tarde do mesmo dia, o STF resolveu arquivar a reclamação que o político do PP fez contestando o bloqueio de seus bens e solicitando foro privilegiado.

Em entrevista à imprensa, ele disse que não vai fugir. Ele nega todas as acusações, inclusive possuir conta bancária no exterior. Sobre o suposto desvio de recursos da prefeitura, Maluf diz que sua passagem pelo cargo foi aprovada "com louvor" pelo TCM (Tribunal de Contas do Município) e que as acusações são infundadas.

Leia a nota oficial divulgada pela assessoria de Maluf:

"Ante a notícia de que o Ministério Público Federal apresentou denúncia contra ele, Paulo Maluf reafirma: Maluf é inocente, nada tem a esconder e não pretende sair de São Paulo. Toda vez que a juíza da Vara onde foi apresentada a denúncia quiser ouvi-lo, estará a sua disposição. Toda vez em que foi convocado pela Justiça e pôr Comissões Parlamentares de Inquérito para prestar esclarecimentos, nunca deixou de comparecer. Maluf respeita e sempre respeitou a lei e não aceita que seus inimigos políticos façam desse assunto um circo.

Maluf não tem uma única condenação penal em 37 anos de vida pública. Todas as suas contas foram aprovadas pêlos tribunais de contas da União, do Estado e do Município. Continua morando na mesma casa há 40 anos, na rua Costa Rica, 146. Todo o seu patrimônio está no Brasil onde vive com sua mulher, 4 filhos e 13 netos. Maluf sempre esteve e está a disposição da Justiça". Adilson Laranjeira, Assessor de Imprensa de Paulo Maluf

Revista Consultor Jurídico, 26 de novembro de 2004, 18h16

Comentários de leitores

1 comentário

É de uma cara-de-pau espantosa!! Não tem dinhei...

Lu2007 (Advogado Autônomo)

É de uma cara-de-pau espantosa!! Não tem dinheiro no exterior mas o MPF diz que ele está tentando movimentar as contas bloqueadas...que ele também " não tem"!!!!...... Daqui a pouco ele vai falar " eu não sou Maluf, não conheço nenhum Maluf".....!!!!

Comentários encerrados em 04/12/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.