Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Tática do silêncio

Defesa de Cachoeira pede acesso às provas da CPI

A fim de tentar adiar o depoimento do empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, sua defesa alegou que, caso o empresário não tenha acesso às provas, ele pode adotar a tática do silêncio. O argumento foi dado no pedido de Habeas Corpus enviado ao Supremo Tribunal Federal, na sexta-feira (11/5), pedindo o adiamento do depoimento de Cachoeira até que ele possa ver as provas.

Os advogados afirmam que a defesa está sendo cerceada, já que não podem avaliar as provas que os parlamentares usarão para interrogá-lo, inclusive as colhidas nas operações Vegas e Monte Carlo, da Polícia Federal. O relator do Habeas Corpus é o ministro Celso de Mello.

“Para decidir se fala ou se cala, ele precisa antes saber o que há a seu respeito”, destaca trecho da ação. Os advogados prosseguem alegando que “caso decida silenciar, [Cachoeira] perderá valiosa oportunidade não só de desconstruir as suspeitas que pesam sobre seus ombros, mas também de esclarecer fatos que tanto rumor tem causado”.

A ação pretende anular decisão do presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), que convocou Cachoeira a depor na terça-fera (15/5), negando acesso da defesa às provas e informações colhidas na CPI. Com informações da Agência Brasil.

Revista Consultor Jurídico, 12 de maio de 2012, 14h00

Comentários de leitores

1 comentário

o gran-circo brasilis sauda a respeitavel plateia !!!!

hammer eduardo (Consultor)

Acredito que os mais letrados no Brasil que leem algo acima das revistas da Luluzinha e do Cebolinha ja chegaram a mesmissima conclusão que Eu e uma boa parte , esta PALHAÇADA tipica de Brasilia vai acabar no mesmissimo lugar das anteriores , ou seja , EM NADA!!!!!!! Esse recurso de pedir vistas e outras filigranas juridicas são apenas a ponta do iceberg da impunidade. Cachoeira tem MUITA GRANA , Advogados barra pesadissima em termos de competencia e mais importante que tudo , tem a CORJA de VAGABUNDOS do PT e dos partidecos aliados TODA na mão pois a turma "mamava" e com vontade nas caudalosas aguas dele . Para enrolar a patuleia para presente , vão fazer estardalhaço como temos visto , Ministros indignados do STF vão se pronunciar , o Roberto Gurgel vai engolir em seco algumas gracinhas das ratazanas petralhas como este repugnante candido vacarezza mas no final ( ANOTEM e me cobrem !!!!!!) vai acabar tudo em coisa nenhuma.
O "grande" Advogado do cachoeira nem é o contratado e sim o proprio PT que "sonhou" em aproveitar a oportunidade unica para se livrar da microscopica oposição remanescente , recuou estrategicamente quando viu que as "aguas" de Cachoeira iriam molhar e quiçá afogar seus pares como aquele mauricinho repugnante do des-governador do Rio de Janeiro. Ate agora conseguiram apenas um ponto grande a favor quando foi derrubado na primeira salva o senador demostenes torres que "vendia" a ideia de Madre Superiora mas estava mais para gerente de lupanar. A vontade de acabar com a oposição é enorme mas os riscos idem , sendo assim isto vai ser empurrado em banho maria e logo logo o Cachoeira vai estar na rua beneficiado pela palhaçada de sempre de "residencia fixa, não oferece ameaça etc etc". Pobre Brasilzinho nojento.

Comentários encerrados em 20/05/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.