Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Da Câmara para a cadeia

Ex-vereadora envolvida na Máfia dos Fiscais é condenada a 5 anos de pr

Por 

O juiz da 4ª Vara Criminal de São Paulo, Sidney Celso de Oliveira, condenou a ex-vereadora Maria Helena (PL) a cinco anos de prisão por calúnia e difamação. O juiz mandou também a ex-vereadora pagar multa de 96 salários mínimos (R$ 17.280,00). Ela foi processada por difamar os promotores José Carlos Blat, Roberto Porto e o delegado Romeu Tuma Júnior.

De acordo com Blat, a ex-vereadora os difamou depois que os promotores entraram em sua casa para fazer busca e apreensão de documentos na época em que era investigada por envolvimento na Máfia dos Fiscais. No local foram encontradas armas sem registros.

A ex-vereadora foi presa em flagrante. Pagou fiança e saiu da prisão. No dia seguinte concedeu entrevista e afirmou que os promotores e delegado teriam exigido R$ 200 mil para soltá-la.

O Ministério Público entrou com ação contra a ex-vereadora em 1999. Maria Helena também responde a dois processos por crime de concussão, formação de quadrilha e apropriação indevida de salários de funcionários públicos.

O juiz mandou extrair peças do processo para que a ex-assessora da ex-vereadora, Elaine Cássia Teixeira, responda inquérito por falso testemunho.

 é editora da revista Consultor Jurídico e colunista da revista Exame PME.

Revista Consultor Jurídico, 27 de dezembro de 2001, 18h25

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/01/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.