Consultor Jurídico

Notícias

Grupo permanente

Henrique Ávila presidirá comissão do CNJ de acesso à Justiça e cidadania

Edilson Rodrigues/Agência SenadoHenrique Ávila é advogado e mestre em Direito Processual Civil 

O conselheiro do CNJ Henrique de Almeida Ávila vai presidir a comissão permanente de acesso à Justiça e cidadania.

Sua nomeação foi assinada no último dia 27 pelo presidente do Conselho Nacional de Justiça e do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli.

Advogado, Ávila é mestre em Direito Processual Civil pela PUC-SP.

Revista Consultor Jurídico, 30 de setembro de 2019, 14h20

Comentários de leitores

1 comentário

Henrique ávila

O IDEÓLOGO (Outros)

Lutará para o amplo acesso à Justiça ou à restrição dela aos coitados, pobres, homossexuais, índios, anciãos, presidiários e evangélicos?

Comentários encerrados em 08/10/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.