Consultor Jurídico

Notícias

Mercado competitivo

Compra da Nextel pela Claro é aprovada sem restrições pelo Cade

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica aprovou nesta quarta-feira (11/12), sem restrições, a compra de 100% do capital social da Nextel Telecomunicações pela América Móvil, empresa controladora da Claro.

Compra da Nextel pela Claro foi aprovada sem restrições pelo Cade
Reprodução

A ato de concentração já havia sido aprovado pela superintendência-geral da autarquia, mas precisou ser submetido à análise do tribunal devido à interposição de recurso pela TIM, empresa habilitada como terceira parte interessada no processo. A Nextel foi assessorada pelo escritório Mattos Filho.

Ao analisar o caso, o conselheiro relator Sérgio Ravagnani afirmou que as condições de rivalidade do mercado SMP — que reúne os serviços de ligações locais, nacionais e internacionais, o envio de mensagens de textos SMS e MMS e o acesso móvel à internet (serviço de dados) — se mostraram suficientes para afastar possíveis problemas concorrenciais.

O conselheiro ainda destacou que o Cade vai acompanhar de forma atenta as movimentações no setor. O entendimento de Ravagnani foi seguido por unanimidade pelo colegiado.

Ato de Concentração 08700.002013/2019-56

Revista Consultor Jurídico, 11 de dezembro de 2019, 19h10

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/12/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.