Consultor Jurídico

Mercado Jurídico

Por Sérgio Rodas

Blogs

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sem novidades

Pinheiro Neto, Mattos Filho e Machado Meyer lideram ranking da The Legal 500

Tal como no guia Chambers Latin America 2017, o Pinheiro Neto Advogados foi novamente o escritório brasileiro mais reconhecido na edição deste ano da The Legal 500 sobre a América Latina. A firma foi citada na “Banda 1” em 12 áreas – resultado igual ao do ano passado. Também não houve mudanças na segunda posição, na qual ficou o Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados (7 citações)

Na terceira, o Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados (5 citações) perdeu a companhia do Veirano Advogados. Esta banca caiu para quarto, junto com Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados e TozziniFreire Advogados (3 citações cada).

A publicação também destacou a criação de escritórios boutique especializados em contencioso, como o Atelier Jurídico, comandado por Luiz Olavo Baptista, que era do L.O. Baptista, Schmidt, Valois, Miranda, Ferreira, Agel, e o Pimentel, Bastos & Vega Advogados, fundado por Felipe Bastos Esteves após ele deixar o Veirano.

Quanto ao cenário brasileiro, a The Legal 500 afirmou que a área tributária permanece aquecida como sempre, visto que, em média, uma empresa precisa de 2,6 mil horas para cumprir suas obrigações fiscais por ano. Compliance e trabalhista também são setores em alta, conforme a publicação. O guia completo está disponível aqui.  

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 30 de setembro de 2016, 16h12

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/10/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.