Consultor Jurídico

Notícias

Eleições 2016

Quase 7 mil gestores públicos tiveram contas rejeitadas, segundo TCU

Ao todo, 6,7 mil gestores públicos tiveram suas contas rejeitadas. A lista com os nomes foi entregue pelo Tribunal de Contas da União ao Tribunal Superior Eleitoral nesta quinta-feira (9/6) e abrange as decisões tomadas a partir de outubro de 2008 até a data da eleição.

É com base nessa listagem que a Justiça Eleitoral, de ofício ou mediante provocação pelo Ministério Público Eleitoral ou partidos políticos, coligações e candidatos, que são os entes com legitimidade para propor esse tipo de ação, pode declarar a inelegibilidade de candidatos a cargos públicos, conforme previsto na Lei da Ficha Limpa.

A Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010) delimita que quem exerceu cargo ou função pública, teve as contas de sua gestão rejeitadas e não há mais como recorrer da decisão não pode se candidatar a um cargo eletivo nas eleições pelos oito anos seguintes à decisão final.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, destacou que essa é a primeira vez que a entrega dos nomes é antecipada. Segundo ele, a lista, que estava prevista para ser entregue dia 5 de julho, permitirá que a Justiça Eleitoral possa analisar os casos de candidatos inelegíveis antes das eleições. “Certamente haverá impugnações e as questões serão submetidas à Justiça Eleitoral e, portanto, com a segurança jurídica que o documento autêntico do TCU nos permite”, afirmou Gilmar Mendes.

Já o presidente do TCU, ministro Aroldo Cedraz, destacou o combate à corrupção. “A cada dia a sociedade brasileira toma conhecimento de novos desvios aqui e ali. Nós queremos combater esses desvios. Mas, muito mais, queremos evitar que isso aconteça”, disse.

Com informações da Agência Brasil e da Assessoria de Imprensa do TSE.

Revista Consultor Jurídico, 10 de junho de 2016, 19h37

Comentários de leitores

1 comentário

Há se....

preocupante (Delegado de Polícia Estadual)

Meu sonho seria ver o nome do prefeito da cidade de Caaporã, estado da Paraíba, nessa lista. Mas acho muito difícil, visto que até agora ele se encontra impune e faz questão de bradar aos quatro cantos que tem amigos influentes nos três poderes, por isso ninguém fará nada contra ele, apesar de já se encontrar no seu quinto mandato e ficado cada vez mais rico com o dinheiro público e o povo daquela cidade cada vez mais pobre.

Comentários encerrados em 18/06/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.