Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Projeto político-pedagógico

Programa de capacitação de servidores do TRF-4 será modelo para a Justiça Federal

O modelo de capacitação de servidores desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, com sede em Porto Alegre, será adotado pelo Conselho da Justiça Federal e demais TRFs e seções judiciárias como base para a formulação do projeto político-pedagógico nacional da Justiça Federal.

A decisão foi tomada nesta terça e quarta (25 e 26/11), durante reuniões que debateram o Plano Nacional de Capacitação no CJF, em Brasília. O evento reuniu os titulares das áreas de recursos humanos e capacitação do conselho, dos cinco TRFs e das seções judiciárias.

Itinerários formativos
O diretor da Secretaria de Gestão de Pessoas (Sgep) do TRF-4, Carlos Alberto Colombo, apresentou a experiência de capacitação desenvolvida pelo tribunal por meio do Centro de Educação Corporativa de Servidores da Justiça Federal de 1º e 2º graus da 4ª Região (Ceducorp), criado em 2013. A 4ª Região abrange Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

“Mostramos os itinerários formativos desenvolvidos pela 4ª Região a partir dos processos de trabalho e as inovações metodológicas implementadas nas ações de capacitação. Também apresentamos uma minuta do projeto político pedagógico e expusemos os seus principais conceitos”, explica Colombo.

Os itinerários formativos são uma nova abordagem educativa do Ceducorp, focada nos processos de trabalho. É feito um levantamento de todo o fluxo de trabalho em uma determinada área para, em seguida, descrever as competências e os conhecimentos que os servidores devem ter para dar conta de suas atividades. O objetivo é promover o aproveitamento contínuo e articulado da formação dos servidores ao longo da carreira.

O TRF-4 deve compartilhar os documentos relativos ao método de capacitação com as demais instituições. O projeto nacional será finalizado no próximo encontro do Plano Nacional de Capacitação, marcado para março de 2016. Até lá, deverão ser feitos seminários regionais para disseminação e capacitação da nova abordagem metodológica. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-4.

Revista Consultor Jurídico, 27 de novembro de 2015, 8h20

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/12/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.