Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Voto em trânsito

Mais de 80 mil eleitores votarão fora de seus domicílios

Cerca de 84 mil eleitores estão aptos a votar fora de seus domicílios eleitorais no primeiro turno das eleições de 2014. Eles se habilitaram na Justiça Eleitoral para votar em trânsito, modalidade que possibilita que o eleitor fora do seu domicílio eleitoral vote em outro local, mesmo sem ter solicitado a transferência do título.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, foram habilitados para votar em trânsito 84.418 eleitores, no primeiro turno, e 79.513 em um eventual segundo turno. O prazo para requerer o voto em trânsito começou no dia 15 de julho.

O voto em trânsito foi criado em 2009 e passou a valer a partir das eleições de 2010. Com ele, só é possível votar para presidente. Naquele ano, 80.419 eleitores registraram o pedido para votar em trânsito no primeiro turno e 76.458 no segundo turno. Inicialmente restrito às capitais, nas eleições deste ano o voto em trânsito também será aplicado nos municípios com mais de 200 mil eleitores. Segundo o TSE, 92 cidades brasileiras terão a modalidade.

Os estados que registraram o maior número de pedidos de eleitores para votar fora do domicílio foram São Paulo, Minas Gerais e o Rio Grande do Sul, respectivamente. Em São Paulo, 18.727 eleitores em trânsito estão aptos a votar no primeiro turno, 12.104 mineiros e 6.805 gaúchos solicitaram voto em trânsito para o dia 5 de outubro. Para um eventual segundo turno, 17.597, 12.104 e 6.378 eleitores, respectivamente, estão aptos a votar em trânsito nos estados. Com informações da Agência Brasil.

Revista Consultor Jurídico, 5 de outubro de 2014, 15h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 13/10/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.