Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Gigante em movimento

ConJur lança Anuário da Justiça São Paulo na próxima semana

Por 

Responsável por 45 milhões de processos, incluindo a primeira e a segunda instância, o Tribunal de Justiça de São Paulo deve adotar a informatização e as vias alternativas de soluções de conflitos, como mediação e conciliação, para responder às demandas da sociedade. A opinião é do presidente da corte, José Renato Nalini, e está publicada no Anuário da Justiça São Paulo 2014 que a revista Consultor Jurídico lança no dia 19 de março, no próprio TJ-SP.

A exemplo dos planos de Nalini para o TJ-SP, o Anuário da Justiça revela dados fundamentais do maior tribunal do país, que viu sua produtividade aumentar nos últimos três anos. O crescimento é resultado de um choque de gestão iniciado pelo desembargador Roberto Bedran, em 2011, e que teve prosseguimento com Ivan Sartori, desembargador que presidiu o TJ-SP até o fim de 2013. Corregedor-geral da Justiça durante a última gestão, Nalini afirma em artigo que o gigantismo da Justiça demanda uma atuação em várias frentes, padronizando serviços sem inibir a criatividade.

Fundamental para os operadores do Direito, o Anuário da Justiça São Paulo 2014 mostra como atuam as câmaras das seções de Direito Privado, Direito Público e Direito Criminal, com local e horário das sessões e sua composição. Cada um dos 360 desembargadores tem seu perfil publicado, com informações sobre o modelo de atuação, sua trajetória profissional, especialidade e votos-paradigma, permitindo aos advogados conhecer os homens e mulheres responsáveis por suas causas.

Os principais julgamentos de cada seção em 2013 também foram incluídos, mostrando as tendências de uma corte que aumenta o ritmo para eliminar seu — ainda grande — acervo histórico. Também há perfis da seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil, do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, da Defensoria Pública, da Procuradoria-Geral de Justiça e da Procuradoria-Geral do Estado.

O coquetel do lançamento será oferecido por Fadiga e Mardula Sociedade de Advogados; Bradesco S.A.; e Barbosa, Müssnich & Aragão Advogados.

Serviço:
Data: 19 de março
Horário: 18h
Local: Salão dos Passos Perdidos do Palácio da Justiça
Endereço: Praça da Sé, s/n, São Paulo
Necessária confirmação de presença pelo e-mail secretaria@consultorjuridico.com.br

Anunciantes do Anuário da Justiça São Paulo 2014

Associação dos Advogados de São Paulo - AASP
Abreu Sampaio Advocacia
Andrade & Fichtner Advogados
Barbosa, Müssnich & Aragão Advogados
Barroso Fontelles, Barcellos, Mendonça & Associados
Bialski - Advogados Associados
Bottini & Tamasauskas Advogados
Bradesco S.A.
Brandão Couto, Wigderowitz & Pessoa Advogados
Caixa Econômica Federal
Dannemann Siemsen Advogados
Décio Freire & Associados
Decoussau Tilkian Sociedade Advogados
Duarte Garcia, Caselli Guimarães e Terra Advogados
D'Urso & Borges Advogados
Fadiga e Mardula Sociedade de Advogados
Fialdini, Guillon & Bernardes Jr. Advogados
Fontes & Tarso Ribeiro Advogados
Fundação Armando Álvares Penteado - FAAP
Heleno Torres Advogados
Instituto dos Advogados de São Paulo - IASP
Law & Liberatore Advogados
Leite, Tosto e Barros Advogados
Loeser e Portela Advogados
Lucon Advogados
Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados
Marcelo Leonardo Advogados
Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados
Mega Leilões
Moraes Pitombo Advogados
OAB-SP
Pinheiro Neto Advogados
Qualicorp Corretora de Seguros S.A.
Raminelli e Oliveira Advogados
Ribeiro, Abrão e Matheus Advogados
Souza Cruz S.A.
Souza, Cescon, Barrieu e Flesch Advogados
Teixeira, Martins e Advogados
Toron, Torihara e Szafir Advogados
TozziniFreire Advogados
Villas Bôas e Salineiro Advogados

* Atualizado às 14h de 11/3/2014 para correção de informação.

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 10 de março de 2014, 17h14

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/03/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.