Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Placar final

Souza Cruz vence todas ações movidas por fumantes

O ano de 2012 fechou com um um aumento de decisões desfavoráveis às pretensões indenizatórias de ex-fumantes. A informação é do site de notícias radar on-line.

Foram arquivadas 55 ações movidas por ex-viciados e seus familiares contra a Souza Cruz, um recorde na história da companhia.

Desde 1996, quando o primeiro processo deste tipo foi julgado, 442 decisões definitivas já foram dadas. Os ex-fumantes perderam todas as disputas para a Souza Cruz.

Revista Consultor Jurídico, 21 de janeiro de 2013, 15h52

Comentários de leitores

7 comentários

Quem paga a conta é o fumante!

Erminio Lima Neto (Consultor)

Fátima, você está enganada que toda a sociedade vai pagar a conta; quem paga a conta dos fumantes e várias outras em beneficio da sociedade são eles mesmos. Simplesmente porque os fumantes, também tragam 80% de impostos que são cobrados sobre o cigarro. O maior imposto do mundo!!!
Agora, se campanha e propaganda influencia nossas crianças e jovens a fumar; que tal falarmos da pornografia, violência, zorra total,bigs da vida, pânico, etc. Estas verdadeiras lavagem cerebral, não interferem também na saude mental, personalidade, de nossas crianças, jovens e adultos?!

Efeito da mídia

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

A questão, na verdade, deve ser analisada sob uma outra ótica, prezado Valdir (Advogado Autônomo - Financeiro). Os produtores e distribuidores de açúcar certamente não cometem nenhuma ilegalidade fabricando e vendendo o produto, mas incorreriam em ato ilícito se incitassem crianças e diabéticos, em caríssimas campanhas publicitárias, a consumir o produto em grandes quantidade, em substituição a frutas e verduras inclusive. E foi o que ocorre no passado com o cigarro. Embora ninguém fosse obrigado a fumar, as empresas faziam campanhas massacrantes, que ocupavam todos os meios de comunicação disponíveis, induzindo o consumidor a fumar. E nem se diga que o efeito da mídia é irrelevante. Ainda na última segunda-feira eu via o italiano Domenico de Masi sendo entrevistado no programa "Roda Viva" da TV Cultura, que dizia que a Itália foi dominada nos últimos anos por uma ditadura da mídia, encabeçada por Silvio Berlusconi, controlador da maior parte dos meios de comunicação do país peninsular. E o resultado, segundo o italiano, foi um país destroçado, com problemas gravíssimos de difícil solução. Basta lembrarmos como eram feitas as propagandas de cigarro no passado para se verificar que os fumantes tem sim do que reclamar.

Saiba quem paga a conta com as despesas dos viciados!

Fátima Burégio (Advogado Autônomo)

Primeiramente temos que reconhecer que os homens são livres, usam seu corpo da maneira mais conveniente e trilham os caminhos que acham mais apropriado. Isto é fato.
No caso da empresa Souza Cruz ser vitoriosa em todas as lides no ano passado, realmente é um caso a se questionar e a nos deixar reflexivos e preocupados. Senão, vejamos:
- Todos sabem que o tabaco e os demais componentes que formam um cigaro causam uma série de enfermidades. No entanto, muitos escolhem presentear seus pulmões com baforadas e fortes tragadas por anos a fio, mesmo sendo orientados e alertados com imagens fortíssimas nas embalagens dos cigarros, onde vislumbram o quanto o cigarro faz mal ao organismo humano. Que fazer? Respeitar! Como já relatei: O homem decide seus passos!
O que me deixa reflexiva e preocupada é com quem pagará a conta: A SOCIEDADE!!!
Sim, pois estes viciados ficarão doentes e o Estado terá que custear o tratamento (que não é barato).
Sobrou para o povo.
Tadinho de nós!

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 29/01/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.