Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Advogados prejudicados

Manutenções tiram do ar sites do STF, CNJ e TJ-SP

Por 

O advogado que tirou este sábado (10/8) para trabalhar e precisava entrar nos sites do Supremo Tribunal Federal, do Conselho Nacional de Justiça ou do Tribunal de Justiça de São Paulo não deu sorte: os três portais passaram grande parte do dia fora do ar, para a manutenção programada.

No caso do STF e do CNJ (que utiliza a rede do Supremo), duas razões explicam o fato dos sites ficarem fora do ar. A rede elétrica está sendo desligada, em alguns finais de semana, para reformas, e alguns problemas nos sites constatados nos últimos dias estão sendo resolvidos. Nesta semana, por exemplo, servidores se queixaram de lentidão no acesso às caixas de e-mail.

Assim como ocorreu no último final de semana, os sites foram retirado do ar para os trabalhos. O sistema poderá ser habilitado durante a noite, saindo do ar novamente na manhã de domingo (11/8) e voltando a funcionar no início da tarde, ou seguirá em manutenção até a tarde do dia 11.

Já no TJ-SP, a manutenção programada ocorre por conta de uma reestruturação no setor. O site do tribunal está fora do ar desde a noite de sexta-feira (9/8), permitindo mudanças na programação, e o serviço será normalizado no começo da manhã de segunda-feira (12/8). 

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 10 de agosto de 2013, 18h19

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/08/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.