Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Rede inadequada

Companhia terá que indenizar vítima de choque elétrico

A 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão condenou, nesta terça-feira (10/4), a Companhia Energética do Maranhão (Cemar) a pagar indenização por danos morais de R$ 80 mil e pensão mensal de R$ 600 a um lavrador no município de Tuntum, que fica a 360km de São Luís. O lavrador sofreu sequelas graves depois de receber choque elétrico ao subir numa palmeira para retirar palhas, em novembro de 2006, como informa o portal G1.

A Cemar sustentou em sua defesa não haver prova de que a rede elétrica estava instalada em local inadequado e apontou a conduta da vítima como responsável pelo choque e pediu a redução do valor da indenização por danos morais para R$ 20 mil.

O lavrador teve queimaduras de segundo grau nas costas, pernas, barriga e mãos.  Ele perdeu um dedo polegar, o movimento total de um indicador e parcial de outros. O trabalhador rural já havia obtido a indenização por danos morais no valor de R$ 40 mil na Justiça de 1º grau.

Revista Consultor Jurídico, 11 de abril de 2012, 6h39

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/04/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.