Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Transparência pública

TCE-RS leva sessões do pleno às universidades

A 14ª sessão plenária do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul acontece na próxima quarta-feira, dia 27 de abril, às 14 horas, na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo (Região Metropolitana de Porto Alegre). Os conselheiros se reunirão para análise da pauta no auditório Padre Bruno Hammes, localizado no Bloco A, do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade.

A iniciativa visa levar as sessões de julgamento para as universidades do interior do estado. O objetivo é aproximar a instituição da sociedade, apresentando para as comunidades as rotinas de julgamento de processos e de tomadas de decisão da corte. A próxima instituição de ensino a receber o Pleno é a Universidade Regional Integrada (URI), de Erechim, no dia 11 de maio.

O Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul tem jurisdição sobre todos os responsáveis, pessoas físicas ou jurídicas, que utilizem, arrecadem, guardem, gerenciem ou administrem dinheiro, bens e valores públicos, pelos quais respondam o estado ou quaisquer dos municípios que o compõem. Com informações da Assessoria de Imprensa do TCE-RS.

Revista Consultor Jurídico, 23 de abril de 2011, 14h14

Comentários de leitores

1 comentário

Atrativo

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Lembro-me que em certa oportunidade, no segundo ano de faculdade, um professor e promotor de justiça narrou em uma conversa informal seu primeiro dia de trabalho quando assumiu o cargo. Excetuando-se esse que vos escreve todo os demais saíram dali convictos em se dedicar à carreira, sendo que todos são hoje membros do Ministério Público. O "segredo" que os convenceu: para exercer o ofício basta apenas fingir que está fazendo alguma coisa e esperar o salário no final do mês. Assim, resta certo que esses julgamentos vão despertar o entusiasmo de muitos estudantes, que "venderão a mãe" para ocupar um cargo na magistratura ao verificar que de julgamento, no rigor da palavra, a maior partes da sessões plenárias dos nossos Tribunais não tem nada.

Comentários encerrados em 01/05/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.