Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Resíduo tóxico

Responsável por vazamento na Hungria é preso

A Hungria prendeu o responsável pelo vazamento tóxico que atingiu o rio Marcal. O diretor-geral da indústria de alumínio MAL, Zoltán Bakonyi, foi preso nesta segunda-feira (11/10). A empresa é proprietária do dique que originou a contaminação. As informações são do portal R7.

De acordo com o primeiro-ministro do país, Viktor Orbán, a MAL está sob controle direito do Estado. Ele disse que será criado um cargo de Comissário de Defesa para Catástrofes, destinado à supervisão, à direção e à condução dos bens da fábrica. “A empresa que causou a catástrofe do "barro vermelho" deverá ser dirigida pelo Estado. Não podemos seguir vivendo com perigos secretos”, declarou.

Ele disse, ainda, que os responsáveis serão punidos e os prejudicados serão indenizados pela empresa. “Os responsáveis pelo incidente, que causou ao menos sete mortes, além de ter deixado mais de cem feridos, serão castigados mediante um processo severo e justo”.

Desde a segunda-feira passada (4/10), quando o resíduo de processamento de alumínio vazou, as atividades da empresa estão suspensas. No entanto, as atividades serão retomadas.

Revista Consultor Jurídico, 11 de outubro de 2010, 12h01

Comentários de leitores

1 comentário

the king can do no wrong

joão gualberto (Advogado Autárquico)

Parece que a empresa estava ao largo dos controles ambientais devidos. Se por culpa dela ou do Estado não sabemos. Agora todo o poder do Estado se volta contra a empresa, como se o mundo começasse com a catástrofe ocasionada. Quer nos parecer que, no caso, mais uma vez, a corda estourou do lado do mais fraco. O Estado querendo se fazer passar por não responsável, quando, talvez, tenha sido até então, irresponsável, ou seja, o velho preceito: the king can do no wrong !

Comentários encerrados em 19/10/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.