Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo biênio

Arnaldo Versiani é reconduzido ao cargo no TSE

Ministro Arnaldo Versiani. - Nelson Jr./ASICS/TSEO ministro Arnaldo Versiani foi reconduzido à vaga de ministro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral, após aprovação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A recondução foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira (8/11).

Versiani compôs a lista tríplice, que também listava Henrique Neves da Silva e Joelson Costa Dias como candidatos. O ministro concorreu à recondução ao cargo após cumprir dois anos como ministro efetivo. A Constituição Federal permite a permanência por dois biênios, caso o presidente da República decida pela recondução.

Arnaldo Versiani é de Belo Horizonte (MG) e tem 47 anos. Formou-se em Direito e em Ciências Econômicas pela Universidade de Brasília (UnB) e, a partir de 1985, atuou nos juízos e tribunais do Distrito Federal e nos tribunais superiores. No TSE, foi o relator das resoluções que disciplinaram as Eleições 2010 e chegou à corte em maio de 2006, quando tomou posse na vaga de ministro substituto.

O TSE é composto por sete ministros titulares. Três são oriundos do STF – sendo que os dois mais antigos devem exercer a presidência e vice-presidência da corte eleitoral –, dois são do Superior Tribunal de Justiça – o mais antigo dos dois exerce a função de corregedor eleitoral –, e dois são representantes da advocacia, nomeados pelo presidente da República a partir da lista encaminhada pelo Supremo Tribunal Federal. O TSE também conta com sete ministros substitutos. Com informações da Assessoria de Imprensa do TSE.

Revista Consultor Jurídico, 8 de novembro de 2010, 15h09

Comentários de leitores

2 comentários

Chiquinho

Sérgio Quezado Gurgel e Silva (Advogado Associado a Escritório)

só pode estar de brincadeira...

Competência, honestidade e probidade, o tripé salvação

Chiquinho (Estudante de Direito)

A recondução ao cargo de juiz titular do TSE, do ministro Arnaldo Versiani, mostra a seriedade e a sobriedade do presidente Luiz Inácio Lula da Silca, quando assunto em pauta é a moralidade pública, a ilibalidade administrativa, a sobrevivência do Poder Judiciário como instituição permanente e comprometida com a moralidade Pública.

Comentários encerrados em 16/11/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.