Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sem autorização

Editor de jornal é condenado por invasão no Panamá

O editor do jornal do Panamá El Siglo, Jean Marcel Chéry foi condenado a dois anos de prisão por ter entrado sem autorização na fazenda do atual juiz da Suprema Corte daquele país, Winston Spadafora. Na época, em 2001, Spadafora era ministro da Justiça. As informações são do blog Jornalismo nas Américas.

O ministro acusou o editor de invasão de propriedade quando o jornalista trabalhava para o jornal Panamá América. O jornalista investigava denúncias de que uma estrada financiada com fundos públicos levava apenas à fazenda do então ministro da Justiça.

O editor e outros que estiveram na fazenda dizem que um caseiro abriu a porta para eles e os convidou a entrar. O jornalista afirmou que vai recorrer decisão que o condenou. Segundo ele, a sentença é parte de uma perseguição de Spadafora por reportagem que escreveu anos atrás. A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) qualificou a condenação de "assédio judicial à liberdade de imprensa".

Revista Consultor Jurídico, 3 de maio de 2009, 9h58

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 11/05/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.