Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Língua solta

Ciro Gomes terá de indenizar Serra e FHC por ofensas

Por 

O deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) foi condenado, nesta quinta-feira (18/12), a pagar 30 salários mínimos de indenização por danos morais para o governador paulista José Serra (PSDB) e o mesmo valor para o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. A condenação foi imposta pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.

Ciro Gomes disse em entrevista que Serra e FHC tinham horror a preto, pobre e nordestino. FHC e Serra pediram reparação na Justiça por terem sido taxados de políticos racistas e preconceituosos. Afirmaram que a entrevista tinha fatos injuriosos e ofensivos. O juiz Marco Augusto Barbosa dos Reis, da 30ª Vara Cível de São Paulo, condenou Ciro Gomes a indenizar os autores da ação.

Insatisfeito, o deputado entrou com recurso no Tribunal de Justiça de São Paulo, sustentando a tese da imunidade parlamentar como instrumento para excluir a ilicitude da conduta. Ciro Gomes alegou ter sido traído pela malícia do entrevistador. Os argumentos não foram acolhidos e o Tribunal de Justiça referendou a sentença de primeiro grau, por votação unânime.

O recurso foi julgado pela 4ª Câmara de Direito Privado. A defesa sustentou que as declarações de Ciro Gomes não atingiram a honra de Serra e FHC, pois se inseriam em divergências políticas existentes entre ele e os autores da ação.

“A imunidade, instituto criado para resguardar a independência do parlamentar, não constitui carta de alforria para lesão a direitos alheios”, afirmou o desembargador Francisco Loureiro, relator do recurso no TJ.

“Não há imunidade que licencie político a ofender, pela imprensa, a honra, imagem e reputação de homens públicos como o governador paulista e um ex-presidente da República”, completou o desembargador Ênio Zuliani, revisor do processo.

Para o relator, as ofensas contra Serra e FHC não foram feitas da tribuna da Câmara dos Deputados, nem durante discurso ou debate entre opositores. Os desembargadores entenderam que a inviolabilidade é inerente a opiniões, palavras e voto do parlamentar e não alcança a prática de delitos que não guardam relação com o exercício do mandato.

“A menos que se pretenda transformar a inviolabilidade em impunidade irrestrita, o que não atende o princípio do texto constitucional”, afirmou o desembargador Francisco Loureiro.

Para Ênio Zuliani, Ciro Gomes disparou ataques dos quais jamais se arrependeu porque foi incapaz de se retratar. “A vivência qualifica o apelante como político veterano e isso desautoriza imputação de culpa de terceiro pela locução descabida e potencialmente lesiva à honra dos autores.” O julgamento também teve a participação do desembargador Maia da Cunha.

Apelação 575.762.4/0-00

 é repórter da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 18 de dezembro de 2008, 20h59

Comentários de leitores

16 comentários

Sem entrar nesta desgastada e carc...

hammer eduardo (Consultor)

Sem entrar nesta desgastada e carcomida discussao dos "petralhas" que pululam livremente por aqui versus os Tucanos de sempre , cabe observar que o deputado "pau de arara" no caso e um notorio FALASTRAO e desatrado que mais uma vez tropeca na propria lingua. Politicamente ciro gomes ja acabou a um bom tempo e depois de bater no PT em outras epocas , "optou" por se lacaiar de maneira abjeta quando caiu um "pedaco de carne" no chao durante a festa petista. E o tipico picareta oco ,de discurso idem que ja ate conseguiu enganar muita gente boa com a falsa ideia de "uma outra" opcao, deu no que deu. Este fantasma cearense hoje reduziu-se a mais simples expressao de apenas "marido" daquela beleza de Atriz que e a Patricia Pillar, nada mais , nada menos. Quanto ao fato do FHC dizer que o lullinha paz e amor e semi-analfabeto, nao sei aonde esta a injuria , alias aqui acho que e mais uma constatacao que uma injuria. Diz aquela piadinha requentada que " o lula fez 3 faculdades , na quarta acabou o cimento..."politicamente incorreta SIM, mas muito atual tambem. Desculpem pelos erros de digitacao , teclado tambem incorreto iguala piada do cimento.

Concordo inteiramente com o que diz o senhor: ...

futuka (Consultor)

Concordo inteiramente com o que diz o senhor: -"Vinícius Campos Prado (Professor Universitário 18/12/2008 - 23:16 " Entre outros comentaristas que fazem o chamado 'lingua solta' na verdade ter sido usado como manequim e no fundo até parecer mesmo um grande 'sukita' nessa história toda de "sentença salarial x 30 no nordestino". - 'Que bela sentença hein fernandinho'! rsrs

O assalariado do DD e anônimo covarde "olhovivo...

Armando do Prado (Professor)

O assalariado do DD e anônimo covarde "olhovivo" (?) continua sua defesa envergonhada dos tucanalhas como o vendilhão FHC, Serrágio e o bom tucano e mal magistrado GM.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 26/12/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.