Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Multa eleitoral

TSE analisa se falta de pagamento de multa impede candidatura

O senador Pedro Simon (PMDB-RS) fez Consulta ao Tribunal Superior Eleitoral para saber se é possível candidatura de quem é parte em processo judicial por não ter pagado multa eleitoral, independente do cargo ao qual irá concorrer.

A seguinte questão é feita pelo senador: “O eleitor que se encontra discutindo judicialmente a exigibilidade de título executivo proveniente de multa eleitoral em fase de execução, satisfeitas as demais condições de quitação eleitoral, terá preenchido os requisitos a este título constante do parágrafo 1º do artigo 29 da Resolução 22.717 do TSE?”.

De acordo com o artigo 23, inciso XII, do Código Eleitoral, cabe ao TSE responder às consultas sobre matéria eleitoral, feitas em tese por autoridade com jurisdição federal ou órgão nacional de partido político. A consulta não tem caráter vinculante, mas pode servir de suporte para as razões do julgador.

Cta 1.574

Revista Consultor Jurídico, 6 de abril de 2008, 0h01

Comentários de leitores

1 comentário

Com toda a certeza, aquele que não estiver "qui...

A.G. Moreira (Consultor)

Com toda a certeza, aquele que não estiver "quites" com a Justiça Eleitoral, não terá a sua candidatura homologada ! ! !

Comentários encerrados em 14/04/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.