Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Cultura do Direito

Faculdade de Direito da USP comemora 180 anos com show gratuito

A Faculdade de Direito da USP e a Academia Brasileira de Letras promovem, na próxima terça-feira (27/11), um concerto gratuito para comemorar os 180 anos da cadeira de Direito da USP e os 110 anos da Academia de Letras.

A música ficará a cargo do Coral e do Conjunto de Câmara da Sala São Paulo, que apresentarão peças de autores brasileiros — dentre os quais Carlos Gomes — e estrangeiros como Vivaldi e Händel. A Sala São Paulo fica na na Praça Júlio Prestes, sem número, centro da capital paulista.

Os interessados podem requerer ingressos gratuitamente pelo e-mail ass.dirfd@usp.br. Os ingressos devem ser retirados no dia 26 de novembro, das 10 às 16 horas, no saguão do 1º andar da Faculdade de Direito, Largo de São Francisco, 95.

Revista Consultor Jurídico, 23 de novembro de 2007, 9h47

Comentários de leitores

4 comentários

E apenas para complementar, a maior parte dos a...

G. de Paula (Outros)

E apenas para complementar, a maior parte dos alunos das universidades públicas são de classe média, a mais sacrificada pela carga tributária, e o único retorno do Estado a ela é a possibilidade de estudar em universidades públicas. Ademais, já faz algum tempo que a maior parte dos "filhos da elite" não freqüentam as universidades públicas. Boa parte deles prefere estudar em boas faculdades particulares ou então vão para os EUA ou para a Europa para se livrar de greves, professores frustrados e prédios sucateados.

Os 180 anos da São Francisco significam os 180 ...

G. de Paula (Outros)

Os 180 anos da São Francisco significam os 180 anos da criação dos primeiros cursos de Direito do Brasil em São Paulo e em Olinda. Nelas estudam e estudaram pessoas das mais diversas classes sociais que se esforçaram para passar em vestibulares concorridos. É uma data a ser comemorada por todos os operadores do direito. Aliás, os cursos foram criados no dia 11 de agosto, dia que nunca passa em branco por nenhum operador do direito. Além disso, a São Francisco é livre e aberta para qualquer um que queira visitá-la e estudar em suas bibliotecas - as primeiras de São Paulo. "Quando se sente bater, no peito heróica pancada, deixa-se a folha dobrada, enquanto se vai morrer." Tobias Barreto.

Henry, não sou "filho da elite": sou um pobretã...

Embira (Advogado Autônomo - Civil)

Henry, não sou "filho da elite": sou um pobretão que se formou na São Francisco. No meu tempo, a escola pública de nível primário e médio era muito boa. Entrei na faculdade sem fazer cursinho. Hoje, como você diz, só os filhos de elite entram. A culpa, porém, não é da faculdade, mas, do ensino público de nível primário e médio cuja qualidade decaiu. E por que decaiu, decaiu por quê? Porque não há mais disciplina. No meu tempo a gente tinha medo dos diretores, professores e inspetores de alunos; hoje, eles é que têm medo dos alunos. Predomina, agora, a nova concepção de direitos do "di menor", inspirada no ECA. Esse ECA, sejamos francos, transformou o ensino público numa merreca.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 01/12/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.