Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Preço combinado

Sony, Fuji e Maxell são multadas por formação de cartel

As empresas japonesas Sony, Fuji e Maxell foram multadas em € 74,7 milhões por terem combinado preços de fitas de vídeo profissionais no mercado europeu entre 1999 e 2002. A multa foi aplicada pela Comissão Européia, segundo informações divulgadas pela agência EFE.

De acordo com a União Européia, "através de reuniões periódicas e de outros contatos ilícitos", as companhias "aumentaram os preços" das fitas de vídeo profissionais — Betacam SP e Betacam digital — que eram vendidas a clientes europeus. Ainda segundo a UE, as empresas fizeram juntas três série de aumento de preços. As combinações teriam sido feitas em 11 reuniões.

A multa da Sony foi aumentada em 30% por ter dificultado as investigações. Assim, terá de pagar € 47,1 milhões. Já a da Fuji foi reduzida em 40% (€ 13,2 milhões) e a da Maxell, em 20% (€ 14,4 milhões), por terem cooperado com as apurações.

As investigações começaram em maio de 2002. Segundo a UE, em 2001, as vendas de fitas Betacam SP e Betacam digital no Espaço Econômico Europeu (UE, Noruega, Islândia e Liechtenstein) chegaram a € 115 milhões. Agora, aqueles que se sentiram prejudicados pela formação do cartel podem recorrer aos tribunais dos Estados-membros da UE para pedir indenização.

Revista Consultor Jurídico, 21 de novembro de 2007, 0h00

Comentários de leitores

2 comentários

Novidade tudo isso.

Bira (Industrial)

Novidade tudo isso.

A industria do entretenimento mostrando a cara,...

Roberto Lopes Ferigato (Outros)

A industria do entretenimento mostrando a cara, isso é só o começo.

Comentários encerrados em 29/11/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.