Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Distração no volante

Nova Jersey quer banir uso de torpedo de celular de motorista

Os motoristas de Nova Jersey (Estados Unidos), que insistirem em digitar mensagens de texto em celulares e computadores de mão, poderão sofrer sanções se uma nova lei for aprovada pelo parlamento estadual, informa o repórter Jon Hurdle, da agência Reuters.

O plano é uma resposta à pesquisa da Nationwide Insurance, que descobriu que uma em cada cinco pessoas digitam mensagens enquanto dirigem. Entre os jovens de 18 a 34 anos, o número sobe para um a cada três.

“É extremamente perigoso”, disse o deputado estadual Paul Moriarty, um dos que elaborou a proposta. “Digitar requer que você retire completamente os olhos da estada. Eu vejo pessoas na rua dirigindo enquanto teclam com os dois polegares. Só posso imaginar que eles estão usando os joelhos para segurar o volante”.

Os motoristas que forem pegos podem ser multados entre US$ 100 a US$ 250.

Medida similar pode ser proposta em três outros estados americanos. Críticos perguntam porque a medida também não abrange motoristas que estão distraídos com café ou comida. Moriarty diz que uma lei neste sentido nunca passaria no Parlamento estadual.

A lei foi proposta esta semana por uma comissão de 20 parlamentares democratas e republicanos. A expectativa é que ela seja debatida em um comitê entre maio e julho. O projeto tem que passar ainda pelo Senado do Estado, onde muitos senadores sinalizaram a favor da idéia.

Revista Consultor Jurídico, 29 de março de 2007, 14h13

Comentários de leitores

2 comentários

Pois é, o Brasil já tem em seu Código de Trânsi...

Welzel (Estagiário)

Pois é, o Brasil já tem em seu Código de Trânsito Brasileiro uma medida similar... Mas como toda Lei brasileira, não resolveu. Nem os direitos e garantias individuais emplacaram, quanto mais estes "meros detalhes" que necessitam de fiscalização.

Seria bom uma medida dessas aqui no Brasil t...

Leonardo Armstrong (Bacharel)

Seria bom uma medida dessas aqui no Brasil também. Não são poucos os casos em que nos deparamos com motoristas que, à fim de burlar a proibição legal de "falar" ao celular enquanto dirigem, utilizam de um meio muito mais perigoso, ao caso, para poder se comunicar. Eu mesmo me enquadro neste índice. O fato é que a comunicação é imprescindível nos dias atuais, e a dependência do tempo parece deixá-lo tão curto, que nos impossibilita, muitas vezes, de parar o veículo em local apropriado para fazer uma ligação ou enviar uma simples mensagem. Talvez ajudasse se a tecnologia conseguisse unir essas necessidades, possibilitando a concentração e a comunicação ao mesmo tempo; ou então iria nos afundar de vez nesse complexo de tempo e o estresse conseqüente.

Comentários encerrados em 06/04/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.