Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Operação Reluz

Fábricas de cigarro são novos alvos de operação da PF e Receita

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram a Operação Reluz em onze estados, nesta sexta-feira (22/6). Alvo: fábricas de cigarro suspeitas de sonegação de impostos. De acordo com as investigações, a criação de uma empresa de fachada fez com que conseguissem uma liminar, já revogada, para assegurar a isenção de IPI na fabricação do produto.

Levantamento feito pela Receita apontou que, até o momento, mais de R$ 100 milhões deixaram de ser arrecadados pelo governo federal. Além de sonegação de impostos, há suspeita de violação de segredo funcional, corrupção de servidores públicos, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Segundo a PF, os líderes da suposta organização possuem outras acusações de fraude no setor de cigarros, como sonegação, uso de selos de IPI falsos, falsificação de marcas e crimes contra o sistema financeiro.

Uma auditora da Receita Federal foi presa sob acusação de prestar informações privilegiadas sobre fiscalizações que seriam feitas nas empresas beneficiadas pelo esquema. Há indícios da participação de outros servidores da Receita.

Até o momento, foram apreendidos dinheiro, jóias e carros de luxo. Mais de 220 policiais federais e 87 servidores da Receita Federal cumprem 18 mandados de prisão e 50 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Pará, Rondônia, Pernambuco, Paraíba, Bahia e Minas Gerais.

Revista Consultor Jurídico, 22 de junho de 2007, 14h40

Comentários de leitores

6 comentários

Quem deve estar feliz com essa operação é a Sou...

olhovivo (Outros)

Quem deve estar feliz com essa operação é a Souza Cruz. Naquela contra a Skin quem se deleitou foi a Ambev. A briga de mercado está feia para os pequenos.

...ao advogado marcellus: leia melhor, tirando ...

Robespierre (Outros)

...ao advogado marcellus: leia melhor, tirando o óculos do preconceito e da cegueira, que perceberá que a polícia federal está atingindo todos os lados, por isso mesmo, é a republicano, ou atingir o pp irmão do presidente não é suficiente? ainda que nesse caso, foi uma baita armação daqueles que querem atingir o dr. lacerda e o presidente. muito parecido com o que aconteceu nos states com carter, quando a mídia passou 4 anos caçando o billy, o irmão alcoólatra e trapalhão do presidente. ...a mídia golpista, as viúvas de alckmim e do ffhh não toleram, não aceitam que esse governo está dando certo, e a prova é que hoje lula elege até uma porta, basta querer. ...infelizmente, parte dos "adivogados" (sic), os chicaneiros, são genéticamente conservadores e avessos a qualquer mudança. preferem os cemitérios inertes do código civil à vida da constituição cidadã.

Calma gente, tem investigações e grampos para t...

Robespierre (Outros)

Calma gente, tem investigações e grampos para todos os rábulas e amigos do alheio. Estão apenas começando. Passaram os 8 anos de FFHH impedidos de usar a inteligência e investigar. Homem público não tem amigos nem parentes. Mas, tenho opinião a respeito: usaram-no como a Geni da vez para tentar atingir o presidente. Mais uma vez faracassaram, pois o feitiço virou mais forte contra os feiticeiros. É o que digo, quem trabalha honestamente, não tem o que temer, já os chicaneiros, os que recebem por fora, os que usam de filigranas para favorecer bandidos, ah, esses devem ficar preocupados.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 30/06/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.