Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sobretaxa africana

Tanzânia processa Inglaterra por superfaturamento de programa

Por 

O presidente da Tanzânia, Jakaya Kikwete, declarou que seu país começa nesta segunda-feira (5/2) a processar formalmente a Inglaterra. A acusação é que o país aumentou irregularmente a taxa de venda de um sistema de vigilância da aérea militar e tráfego aéreo, comprado da empresa BAE Systems PLC. As informações são do site Findlaw.

Em 15 de janeiro, Kikwete já tinha tornado público que oficiais do Escritório Inglês contra Fraudes haviam visitado a Tanzânia para investigar a denúncia de que a empresa BAE Systems, em 2001, pagou secretamente US$ 12 milhões (29% do valor do contrato) para um intermediador tanzaniano, para que ele tratasse de superfaturar o sistema.

A BAE, tida como a maior empresa de defesa da Europa, já declarou que vai cooperar nas investigações da fraude, que teria a participação de membros do governo britânico.

 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 5 de fevereiro de 2007, 9h40

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 13/02/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.