Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Saída de emergência

CNJ estuda criação de Juizados emergenciais em aeroportos

O Conselho Nacional de Justiça quer a instalação de Juizados Especiais emergenciais nos aeroportos para atender demandas provocadas pela crise no setor aéreo. Na próxima quarta-feira (8/8), às 11h, representantes do Conselho se reúnem com a Infraero, companhias aéreas e com os presidentes dos Tribunais de Justiça de São Paulo, do Rio de Janeiro e do Distrito Federal para discutir a proposta.

O objetivo é instalar Juizados Especiais nos aeroportos para resolver rapidamente, com base em acordos, problemas dos usuários como atrasos e cancelamentos de vôos. Esses Juizados operariam com um juiz, um oficial de justiça e um escrevente.

A proposta para criação dos Juizados Especiais nos aeroportos foi feita pelo presidente da OAB nacional, Cezar Britto.

Revista Consultor Jurídico, 3 de agosto de 2007, 12h19

Comentários de leitores

3 comentários

Factóide total. Como disse a Dra. Janice, não s...

Michael Crichton (Médico)

Factóide total. Como disse a Dra. Janice, não sugerem a instalação de juizados em áreas carentes. Lamentável que o CNJ enverede por esse caminho.

Infelizmente os oportunistas e caçadores de hol...

abreu (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Infelizmente os oportunistas e caçadores de holofotes continuam a luta incessante para aparecerem na mídia a todo custo. Primeiro o Dr. César Brito propôs a criação de Juizados Especiais em aeroportos, agora a CNJ vem com a mesma proposta esdrúxula. Será que querem resolver problemas das pessoas que estão em trânsito pelo Território Nacional ali nos aeroportos?. Será que se esqueceram que aeroportos são locais de embarque e desembarque para os viajantes?. Não vi proposta para melhoria das condições de viagens, querem levar as lides para dentro dos aeroportos. Nos momentos de dor sempre aparece um salvador da Pátria.

Gostaria que o CONJUR disponibilizasse, na ínte...

Janice Agostinho Barreto Ascari (Procurador da República de 2ª. Instância)

Gostaria que o CONJUR disponibilizasse, na íntegra, o pedido. A OAB realizou algum estudo da relação custo x benefício? O pedido baseia-se em dados objetivos e concretos? Não me lembro de a OAB ter pleiteado ao CNJ a criação de Juizados Especiais em zonas relegadas ao esquecimento e para os carentes, estes sim realmente necessitados de uma Justiça rápida e eficaz.

Comentários encerrados em 11/08/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.