Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eleições na PGE

Oposição ao procurador-geral de São Paulo vence eleições

A Chapa Dignidade e Luta!, de oposição ao Gabinete do procurador-geral do estado de São Paulo, Elival da Silva Ramos, conquistou sete cargos para o Conselho da Procuradoria Geral do estado. Seus candidatos obtiveram o dobro dos votos dos oponentes.

Com o resultado, a oposição a Ramos terá a maioria dos 13 membros do Conselho, que é composto ainda por um procurador eleito que representa os ocupantes dos cargos em comissão de assessor, além dos membros natos: procurador-geral, corregedor e três subprocuradores.

Entre as propostas da chapa eleita, está a revisão da resolução editada por Ramos que atribui verba honorária superior aos ocupantes de cargo em comissão.

Veja o resultado das eleições

Área da Consultoria

Maria Inez Vanz - 453 votos

Anahi Bichir - 182 votos

Área do Contencioso

Rogério Pereira da Silva - 458 votos

Rita de Cássia Rocha Conte - 188 votos

Área da Assistência Judiciária

Roque Jerônimo de Andrade - 449 votos

José Alexandre Cunha Campos - 180 votos

Nível II

Jivago Petrucci - 426 votos

Maria Lia Pinto Porto Corona - 219 votos

Nível III

Carlos José Teixeira de Toledo - 443 votos

Silva Vaz Domingues - 197 votos

Nível IV

Cíntia Oréfice - 458 votos

Sérgio Wagner Locatelli - 174 votos

Nível V

Victor Hugo Albernaz Júnior - 430 votos

Luiz Francisco Torquato Avólio - 211

Órgãos Complemenetares (representando os cargos em comissão de Assessor da AJG e ATL)

Candidata única

Maria Luisa de Oliveira Grieco - 359 votos

Brancos - 303 votos

Nulos - 10 votos

Revista Consultor Jurídico, 10 de dezembro de 2004, 20h12

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/12/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.