Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

AOL reage contra lixo virtual

AOL reage contra lixo virtual

A America On Line, maior provedor de acesso a Internet no mundo, está processando empresas que enviam mala direta pela Internet. As ações estão correndo em 5 estados americanos.

A AOL resolveu procurar ajuda na Justiça porque essas empresas conseguem driblar sua tecnologia de filtragem de spam.

Segundo a provedora, o spam pode chegar a 30% do tráfego de mensagens gerado na empresa. A AOL alega que as empresas processadas têm prejudicado seus clientes internautas, principalmente por desconsiderarem os pedidos dos internautas para serem excluídos do mailing list das empresas. Isso gera tanto para a AOL quanto para seus clientes um gigantesco lixo virtual.

Um dos principais alvos da provedora é a Prime Data Worldnet Systems, que não só enviou milhões de mensagens não-solicitadas aos assinantes AOL com propaganda como também oferece ferramentas para que os interessados possam também mandar seu próprio spam.

A AOL, que defende o estabelecimento de diretrizes para proteger os serviços online e os consumidores da Internet das consequências do e-mail indesejado, está constituindo uma comissão anti-spam, com outras empresas do setor, para discutir políticas que resultem no controle dessa prática.

Revista Consultor Jurídico, 24 de dezembro de 1998.

Revista Consultor Jurídico, 24 de dezembro de 1998, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/01/1999.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.