Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Dívida suspensa

Fazenda é obrigada a dar certidão positiva de débitos após penhora

Quando a penhora já foi efetivada, a garantia que está em juízo suspende a cobrança do crédito tributário e permite que o antigo devedor receba certidão positiva de débitos. Com esse entendimento, a 7ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que a Fazenda Nacional conceda o documento a uma instituição de ensino que teve um bem penhorado para sanar a dívida com a União.

A instituição havia solicitado a certidão de regularidade fiscal em 2010, cinco anos depois de ter tido bens penhorados no valor de R$ 30 mil, mas teve o pedido negado pela Procuradoria da Fazenda, sob o fundamento de que a penhora não era suficiente para suspender a exigibilidade do crédito tributário insuficiência da penhora. O juízo da 22ª Vara do Distrito Federal determinou então que o papel fosse expedido, mas a Fazenda alegou ao TRF-1 que tinha direito de negar a solicitação.

O relator do caso no tribunal regional, juiz federal Ronaldo Castro Destêrro e Silva, confirmou a legitimidade da sentença. “Estando o crédito tributário com a exigibilidade suspensa em razão da garantia do Juízo, mediante penhora comprovada nos autos, afigura-se ilegal a negativa da autoridade impetrada em expedir a certidão pleiteada, em face da previsão contida no artigo 206 do Código Tributário Nacional”, afirmou.

O magistrado ainda ressaltou que o pedido da Fazenda Nacional não é válido porque não houve insuficiência de bens penhorados. Dessa forma, não se justifica dificultar a expedição do documento. O entendimento dele foi seguido por unanimidade pelos integrantes da 7ª Turma. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-1.

Clique aqui para ler o acórdão.

0000426-46.2011.4.01.3400

Revista Consultor Jurídico, 27 de maio de 2014, 7h50

Comentários de leitores

3 comentários

Certião Positiva?

Henrique Daibert (Advogado Sócio de Escritório - Tributária)

Não seria Certidão Negativa, ou Certidão Positiva com efeitos de Negativa?

equívoco no título da notícia

Douglas Avila (Advogado Associado a Escritório - Tributária)

Em tempo, a Certidão positiva de débitos deve ser fornecida pela Fazenda independentemente de penhora ou qualquer outra garantia. É direito do contribuinte. Abraço

equívoco no título da notícia

Douglas Avila (Advogado Associado a Escritório - Tributária)

Na verdade, a Certidão almejada pela Empresa é a positiva com efeitos de negativa, justamente a mencionada pelo acórdão. A Certidão positiva de débitos, nesse caso específico, de nada valeria à Empresa, tendo em vista a ocorrência da penhora. Abraço

Comentários encerrados em 04/06/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.