Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Cadeira disputada

Procurador-geral do RJ é o mais votado para comandar MP do estado

O procurador de Justiça Marfan Martins Vieira foi o candidato mais votado na eleição promovida nesta segunda-feira (8/12) para indicar quem vai chefiar o Ministério Público do Rio de Janeiro nos próximos dois anos. Ele já vinha atuando como procurador-geral desde 2013 e se afastou para concorrer à reeleição.

Vieira (foto) conseguiu 707 votos (79,4% do total), enquanto o promotor Alberto Flores Camargo, da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania, conseguiu 150.

Entre as 909 pessoas habilitadas a participar da votação, 616 depositaram a cédula na urna instalada no auditório do edifício-sede do MP-RJ e 274 enviaram seus votos pelos Correios. Foram registrados 20 votos brancos e 37 nulos.

Os nomes serão remetidos no dia 1º de janeiro ao governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), responsável pela nomeação. Geralmente, o mais votado da lista tríplice é o escolhido — neste ano, somente dois membros do MP-RJ disputaram o cargo.

A posse do procurador-geral de Justiça ocorrerá em sessão solene do Órgão Especial do Colégio de Procuradores de Justiça, marcada para o dia 17 de janeiro do próximo ano. O mandato é de dois anos. Com informações da Assessoria de Imprensa do MP-RJ.

Revista Consultor Jurídico, 8 de dezembro de 2014, 22h06

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/12/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.