Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Falha de comunicação

Candidato do PT deve pedir recontagem em Cuiabá

A coligação do candidato do PT à Prefeitura de Cuiabá, Lúdio Cabral, deverá pedir à Justiça Eleitoral a recontagem dos votos de todas as urnas da capital de Mato Grosso. As informações são do site MidiaNews.

Segundo o jornal, os votos de Lúdio não foram computados devido a uma falha do TRE-MT, que não transmitiu à Justiça Eleitoral a  informação de liberação da candidatura do vice de Cabral, Francisco Faiad (PMDB). Conselheiro federal da OAB, Faiad teve o registro cassado na primeira instância após impugnação dos adversários, que o acusaram de ter participado de uma reunião da Ordem já candidato. A decisão foi revertida na segunda instância, entretanto a juíza responsável pela totalização dos votos em Cuiabá, Gleide Bispo dos Santos, disse não ter sido informada sobre a liberação da candidatura.

Neste domingo, devido a essa falha, a apuração dos votos de Lúdio Cabral não foi feita, ao passo que os votos obtidos pelos demais candidatos passaram a ser contabilizados em tempo real. Cerca de uma hora após identificar o problema, o TRE decidiu não lançar os novos dados dos demais candidatos, e a contagem passou a ser feita em um sistema de processamento à parte.

Além da falha de comunicação, advogados da coligação petista lançaram suspeitas sobre a lisura do processo, que também deverá ser objeto de ação judicial.

Revista Consultor Jurídico, 8 de outubro de 2012, 18h01

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/10/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.