Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Boca de urna

Arquivado inquérito contra deputado do PT-MG

O inquérito contra o deputado federal Reginaldo Lázaro de Oliveira Lopes (PT-MG) foi arquivado nesta quinta-feira (24/2) pelo Plenário do Supremo Tribunal Federal. O petista foi candidato à reeleição no pleito realizado em 3 de outubro de 2010.

De acordo com a acusação, Oliveira Lopes, ao ir à sessão eleitoral em que votou sua esposa e abraçado eleitores, ele teria feito boca de urna.

O relator do caso, ministro Dias Toffoli, entendeu que a conduta era atípica, assim como a Procuradoria-Geral da República, que optou pelo arquivamento do inquérito. O entendimento de Toffoli foi acompanhado pelos demais ministros da sessão. Com informações da Assessoria de Comunicação do STF.

Inquérito 3.061

Revista Consultor Jurídico, 24 de fevereiro de 2011, 17h22

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/03/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.