Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reclassificação salarial

Funcionários da OAB-SP encerram greve nesta sexta

Os funcionários da OAB de São Paulo decidiram nesta sexta-feira (12/8), em assembleia, acabar com a greve que começou na quarta-feira (10/8). Os trabalhadores reclamavam do descumprimento, por parte da Ordem, de acordo coletivo assinado com o Sindicato dos Trabalhadores das Autarquias de Fiscalização do Exercício Profissional e Entidades Coligadas no Estado de São Paulo (Sinsexpro).

De acordo o sindicato, a OAB paulista havia se comprometido em botar em prática, em maio deste ano, um plano de reclassificação salarial. Mas, alegando falta de recursos, a OAB-SP não aumentou os salários. Segundo o Sinsexpro, os funcionários da OAB têm o pior salário das 28 autarquias paulistas de fiscalização profissional.

O fim da greve foi decidido depois de reunião entre o sindicato e a OAB, realizada na quinta-feira (11/8). No encontro, a OAB-SP emitiu um termo de cooperação e atendimento às exigências dos trabalhadores, que foi aceito pelo Sinsexpro.

No termo, a OAB se comprometeu a pagar, até 20 de dezembro deste ano, um abono indenizatório para “quitar eventual expectativa de diferenças salariais”. Esse abono será definido em reunião do sindicato, que pode escolher entre duas opções: dar entre R$ 300 e R$ 500 de abono, “dependendo do da faixa salarial do trabalhador” – que varia de R$ 663,22 a R$ 3.548,39; ou dar bônus de R$ 462,91 a todos os 2.551 empregados da OAB paulista.

A OAB também se compromete a pagar, a partir de agosto, retroativamente a maio deste ano, reajuste salarial de 6,89%. Ficou mantida, ainda, uma proposta de reajuste de 7,5%, que será paga a partir da assinatura do acordo coletivo deste ano.

Revista Consultor Jurídico, 12 de agosto de 2011, 12h52

Comentários de leitores

1 comentário

vergonha total

daniel (Outros - Administrativa)

A OAB que defende a justiça social..... paga o pior salário aos seus funcionários !!!!

Comentários encerrados em 20/08/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.