Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eleições suplementares

Nestor Vidal é eleito prefeito de Magé, no Rio

Candidato pela coligação “Magé no rumo certo (PMDB, PSDB, PSL e PSC)", Nestor Vidal é o novo prefeito da cidade de Magé (RJ). Ele venceu as eleições suplementares com 68,62% dos votos deixando para trás Werner Benites Saraiva da Fonseca, da Coligação "Magé para os mageenses (PTdoB e PTC)", com 23,82% dos votos válidos. Álvaro Alencar de Oliveira Rodrigues, do PT, obteve 4,69%, Genivaldo Ferreira Nogueira, do PPS, ficou com 1,62%, Octaciano Gomes Ramos, do PSOL, com 0,84% e Ezaquiel Siqueira da Conceição, do PCdoB, com 0,41% dos votos válidos.

Para o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, desembargador Luiz Zveiter, "a eleição ocorreu de forma mais que positiva, foi uma prévia de como deverá ocorrer o processo eleitoral em 2012".

A eleição
Dos 159.364 eleitores aptos, 34.039 deixaram de comparecer, o que representa 21,36% do eleitorado no município.

Ao longo da votação apenas sete das 459 urnas precisaram ser substituídas. Durante o dia, três pessoas foram presas, uma por utilização de carro de som, que foi apreendido, e duas por boca de urna, sendo uma delas o ex-chefe da Guarda Municipal, Renato Abreu, conhecido como Renatinho PM, que foi levado para o 34º Batalhão da Polícia Militar. Os dois primeiros foram liberados logo após assinatura de termo de compromisso e Renatinho PM após o término das eleições.

O desembargador Luiz Zveiter avaliou que as eleições suplementares no município ocorreram de forma tranquila. "A participação das Polícias estaduais e Federal foi impecável para a garantia dos direitos dos cidadãos de Magé", apontou o desembargador. "A vontade popular deve sempre ser respeitada", ressaltou o presidente. Com informações da Assessoria de Imprensa do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro.

Revista Consultor Jurídico, 1 de agosto de 2011, 16h54

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 09/08/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.